quinta-feira, 26 de novembro de 2009

UM BANDO DE LOUCOS (TORCIDA DO FLUMINENSE) RECEBE SEU TIME NO RIO DE JANEIRO.

Fred é o cara!
Por mais que eu não goste dos times do RIO de JANEIRO. Tiro o chapéu para essa torcida e esse clube que talvez nem jogue com justiça a primeira divisão no ano que vem.
MAS O TIME ESTAR NUMA VERDADEIRA BATALHA CAMPAL A CADA 3 OU 4 DIAS.
E SE ESCAPAR SÓ SOMENTE SÓ SERÁ MÉRITOS DOS JOGADORES (COM SALÁRIOS ATRASADOS) E A SUA TORCIDA UM VERDADEIRO BANDO DE LOUCOS.
AFIRMO QUE MEU DESEJO É QUE O FLUMINENSE SE EXPLODA, MAS QUE ELES ESTÃO TIRANDO LEITE DE PEDRA ISSO ESTÃO...
PARABÉNS FLUMINENSE POR GARRA E DETERMINAÇÃO APESAR DE EU ACHAR QUE VOCÊS NÃO ESCAPAM DO REBAIXAMENTO!


Fred passa no meio dos torcedores do Fluminense no aeroporto

http://globoesporte.globo.com/Esportes/Noticias/Times/Fluminense/0,,MUL1394255-9866,00-FLU+CHEGA+NOS+BRACOS+DA+TORCIDA+E+FRED+SE+ENCANTA+NAO+PODEMOS+DECEPCIONALOS.html


Flu chega nos braços da torcida. Fred se encanta: 'Não podemos decepcioná-los'

Torcida tricolor dá voto de confiança ao time e faz recepção inesquecível no Rio de Janeiro após a goleada para a LDU

Thiago LavinasRio de Janeiro

Foi de arrepiar, uma verdadeira prova de amor. Cerca de 300 torcedores invadiram nesta quinta-feira à noite o aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro, para recepcionar o Fluminense. Após uma longa viagem desde Quito, no Equador, e a decepção com a goleada por 5 a 1 para a LDU na primeira partida da final da Copa Sul-Americana, os jogadores se surpreenderam com a festa armada pelos tricolores. Bandeiras, cartazes, faixas e muitos gritos de incentivo aguardavam o time no desembarque.

A delegação tricolor chegou ao Rio de Janeiro às 23h15m. E foi difícil entrar no saguão do aeroporto. Pó-de-arroz começou a surgir de todos os lados e os seguranças tentaram formar uma pequena passagem para os jogadores. Mas a confusão estava armada. Sem problema. Os torcedores queriam apenas passar apoio e carinho. Fred, cercado e sem conseguir andar, se emocionou.


Não podemos decepcioná-los. Depois da nossa derrota olha a recepção que eles fizeram para a gente. É de arrepiar - disse o atacante.


Uma bandeira mostrava bem o espírito dos torcedores: 'Nas boas te apoio, nas más te amo'. Uma faixa também chamava atenção: 'Sempre estarei com vocês, nunca vou te abandonar'.
Cada jogador teve o nome cantado. Do goleiro Rafael ao técnico Cuca. A festa, então, deixou o saguão e foi para a saída do aeroporto. Uma bateria animava os torcedores. Vieram as canções, o hino. Fred, cercado, tentava achar o carro. Quando o atacante finalmente conseguiu entrar no veículo veio um rápido silêncio seguido de calorosas palmas. A energia estava recarregada.


O Fluminense luta contra o rebaixamento noCampeonato Brasileiro, mas depende apenas de si para escapar da Série B. Neste domingo, o time enfrenta o Vitória, no Maracanã. E no dia 6 de dezembro encerra a participação contra o Coritiba, em Curitiba. Mas antes disso o time tem a decisão contra a LDU no Maracanã, na quarta-feira.

4 comentários:

Magui disse...

Pois é, disputando com garra dois campeonatos, jogando duas vezes por semana.Lá no Equador enqt os jogadores eram todos gordos os brasileiros eram magros de tanto correr atrás da bola.Gente de garra.Fred é super herói , um exemplo de trabalho e garra.Não vão cair e por isso o campeonato está excelente nas duas pontas.O maior campeonato do mundo.Agora é que os europeus se rasgam de inveja.

Leo disse...

se ferrou paulista cornooo!!FLUZÃO ñ caiu!"o Fred vai te pegar!!"....

Blog do Raima disse...

Acho que não sou corno... pois não sou casado... ou será que eu sou?
Mas te asseguro não sou PAULISTA e nem mesmo Paulistano... mas sou Tricolor Paulista...
Abçs
rsrsrsrsrs

Blog do Raima disse...
Este comentário foi removido pelo autor.